sábado, 8 de dezembro de 2012

Mais peripécias

 Cá me tem parecido que o bichito aqui de casa não vê o Natal com bons olhos. Ou então vive a experiência até demais. Também é uma hipótese.
Já o tenho apanhado por umas quantas vezes, muito sorrateiro, a retirar enfeites do pinheiro ou, apenas a farejar uma qualquer essência que ele ali encontra fascinante mas que me é completamente imperceptível. 
Depois, quando se depara comigo a observar tudo bem de perto, olha-me com se fosse algo normalíssimo como que a questionar-se por que motivo estaria eu ali fixada, de pé.
Bem, quando a vida nos dá um cão arrumadinho, aproveitamos essa condição. E já sei que posso contar com a sua ajuda para a altura de encaixotar as decorações.

1 comentário:

Sofia Duarte disse...

Pois, é segredo é saber organizar o tempo! A meu ver não se pode viver só para uma coisa, neste caso para a escola. Tenho boas notas e tento conciliar tudo :)