terça-feira, 30 de outubro de 2012

Os Maias

   Um livro que tem vindo a ser passado de mão em mão. Sabendo-se agora a minha vez de o ler, já está no meu quarto. Em cima da mesa-de-cabeceira junto à cama, pronto a ser folheado a qualquer altura. 
Confesso, desde já, a pouca vontade que detenho. Mesmo muito pouca ( só para não haver margem para erro). Ler este livro, o maçante dos maçantes, vai ser uma tarefa árdua e algo demorada de se concretizar. Ainda por mais, quando tinha outro, bem mais emocionante e mais apelativo em todos os sentidos, em vista.

9 comentários:

FME disse...

Opah o Eçazinho é um incompreendido! Lol o truque é saber "passar os olhos" :P selecção criativa lol

- Dii - disse...

enches-te de coragem e em dois dias isso fica feito :P

Amante Japonesa disse...

eu nao gostei :S

cereja disse...

Eu adorei Os Maias :))

Sofia Duarte disse...

Também tenho de o ler...

Sofia Duarte disse...

Obrigada querida! :)

Blackbird disse...

Eu adorei os Maias! As primeiras páginas são muito seca mesmo mas comecei a ganhar interesse pelo livro após isso :)

M. disse...

Querida, o capítulo 1 é o secante por causa das apresentações da famela (:p) e do espaço físico.
Eu adorei a história. Devorei-o mesmo não gostando do Eça...
Boa sorte ! :)

Resp: o filme é lindo

*C*inderela disse...

A descrição do ramalhete é de cortar os pulsos mas depois a história é bastante interessante. Eu adorei :)